terça-feira, 27 de março de 2012

Gato escaldado

Tem o velho ditado, aquele que muito por aí se escuta e eu sei de cor
Me olhando de lado disse o velho, pobre diabo:  
“Tem medo de água fria o gato escaldado”
Fiz que entendi, continuei andando, pensando

Não consegui evitar e comecei a imaginar a cena,
pobre gato! (...pode uma coisa dessas?)
Mas peraí: Pra escaldar o bicho a água deveria ser quente.
Animal indolente,  por que temerias tu a água fria?
Foi lá no telhado, vendo a lua minguar que me ocorreu
O líquido incolor por si só já afastou o gato da bacia.

Gato escaldado, invejo tuas sete vidas
Pois só tenho seis corações quebrados
e um balde de água fria.
Água morna só pro banho, a escaldante já escaldou
O pior já passou

Por agora só te digo uma coisa, caro gato,
Na bacia de água, nem a ponta do meu rabo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário